quinta-feira, fevereiro 01, 2007

isto de ser Inominável...

... às vezes é chato... nunca ninguém me chama nomes... se calhar, nunca poderei ser um nome, desses que te dão e te ficam colados à pessoa que és... ou que vêem em ti...

caramba, mas nem um nomezinho pequenininho?

12 comentários:

Anónimo disse...

mas Inominável já é um nome, não? é como a coisa do "é proibido proibir"... há uma contradição de base aqui...

mas queres nomes? "Cátia Vanessa"...

Luis Eme disse...

Porque não Helena?

Tema força de tróia e a leveza de Lena...

SAT disse...

Poder-te-ia dar o nome de Cahedra, por ser único. Mas é um nome que teria de dar a mais seres virtualmente excepcionais :) E foi inspirado num desses seres que os meus olhos contemplaram.

inominável disse...

bom, depois do comentário que fizeste, SAT, põe-se a questão: quem é esse ser tão invejado?

Ida disse...

Catia Vanessa não é a filha da maria Albertina??? Ai que saudades de Aveiro!

Mas, ca entre nós, acho que prefiro Maria Albertina, sempre tinhas uma canção só pra ti!:p

bruno .b.c disse...

Saboroso
diminutivo, sem
Nomes, aquele
pequenininho.

Curiosa travessia, a tua
inominável, daquela
que recusa o que não é nunca
exacto, àquela que padece o ser
sem qualidade ou distinção.

Talvez tenha um nome
pomposo qualquer; como o de
fase nominável
crítica, do que
inominável, talvez sempre
fica.

Abraço,
desses que se dão, e ficam
colados à pessoa que somos.

Anónimo disse...

Alexandra fikias

Teu medo! disse...

Minha inquietação, surpresa, expectativa, Frisson…

Há tantas palavras que me falam de você, mas nenhuma te traduz por completo. Ainda há muito a saber de você!

A primeira vista és indecifrável… Mas não! De repente te tenho na palma da mão… Te entendo completamente!

Então já não és indecifrável… Pareces comigo… És um outro eu? Será?

Se assim for, serei eu narcisista? Não! Porque acabo de descobrir que não és assim tão semelhante, e me encanto também com as diferenças…

Pra mim és assim: Totalmente previsível, outras vezes nem por isso! Jeito intrigante e apaixonante!

Tens gosto de “quero mais”… Mas que sabor é esse? Talvez te decepcione por não saber descrever…
O sabor de “quero mais” pra mim é mesmo INOMINÁVEL! Só provando pra saber!

Um beijinho… Daqueles indefiníveis... Indescritíveis…

inominável disse...

ui! essa doeu! boas sugestões... fico indecisa...

continuo Inominável...

Leo disse...

Que tal "Ino"? Os diminutivos sempre ficam mais perto de nós, apesar de não dizerem mais. ai que saudades de ir comer um geladito com canela na Costa Nova! Agora aquilo está cheio de malta o ano todo...

isabel victor disse...

Inominável ...
É desafiante ! Menina sem nome ...
que nomeia ! É inquitante !


Vou passando ...

Ziza disse...

lá, Inominável, desesperada por um nome ;)

Se quiseres um nome fixe, vem à Murtosa para te inspirares... Cátias Vanessas, Rutes Marlenes, Reginas Vanessas... (Vanessa está, definitivamente, na moda!)