segunda-feira, fevereiro 15, 2010

meditações em jeito de aforismo patético

é quando o sentimento de liberdade pessoal diminui que o ciúme aumenta. o sentimento de que as estradas se estreitam e de que os olhos deixam de se alargar com visões novas. reais ou irreais. de homens ou mulheres. o ciúme cresce na prisão em que nos fechamos. e o pior é recusar usar a chave que está ao lado. ou atirá-la para longe. desresponsabilizar-se.
.

4 comentários:

Claudia Sousa Dias disse...

ciúme é posse.


dizem que se confunde com amor.


eu sou da opinião que o desfigura.

ciúme está ligado a falta de confiança (em si mesmo ou no outro) ou então a setimentos obsessivos.

O que não é animador. Tanto para quem os sente como para quem é objecto.



csd

csd

Nelson Soares disse...

Subscrevo totalmente as palavras da Claudia.


E este texto, este pequeno grande texto, tem muito pouco de patético...


Stay Well

Maria Muadiê disse...

é isso mesmo.

Rízia Luiz disse...

Legal seu blog, estou seguindo.
Me identifiquei com quase tudo.
Parabéns!